Caso não visualize o informativo, clique aqui
Logo  

Informativo online Sindquímica

Ano 1 - nº 4 -dezembro de 2017


 

Sindquímica homenageia personalidades que contribuíram para o setor

O Sindicato das Indústrias Químicas Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará (Sindquímica) entregou, nesta quarta-feira (13/12), no La Maison, durante festa de confraternização do setor, homenagem a personalidades que contribuíram para a realização do Polo Farmoquímico de Guaiúba, na Região Metropolitana de Fortaleza. O governador do Ceará, Camilo Santana; o secretário do Desenvolvimento Econômico do Estado do Ceará, Cesar Ribeiro; e a deputada federal Gorete Pereira foram os homenageados.

Na oportunidade, o diretor administrativo da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante, destacou a importância do setor e a forte atuação do sindicato, que conta com mais de 30 anos de trajetória e possui 112 associados. Destacou também a contribuição dos homenageados não só nos pleitos do setor químico, mas também para toda a indústria cearense.

Já o presidente do Sindquímica, Marcos Soares, fez um balanço do ano, apresentando eventos, ações e missões internacionais que os associados participaram, com destaque para a criação do Polo de Guaiuba.

O secretário do Desenvolvimento Econômico, Cesar Ribeiro, que na oportunidade também representou o governador Camilo Santana, apresentou projetos estratégicos do Governo do Ceará para o desenvolvimento econômico, como a “trinca de hubs”, que envolvem a a conquista do hub aéreo das empresas Air France-KLM-Gol; o hub marítimo, que será concretizado com a parceria entre os Portos do Pecém e Rotterdam; além do hub de dados viabilizado pelo lançamento do cabos SACs e Monet, da multinacional Angola Cables, ligando o Ceará à Africa e aos Estados Unidos por meio de cabo de dados.

Também destacou os projetos da área do desenvolvimento regional, como o Polo Farmoquímico de Guaiuba.

Segundo Cesar Ribeiro, em fase de obras de terraplanagem e infraestrutura básica, o polo conta com investimentos de R$ 10 milhões do Governo do Ceará e vai agrupar 27 empresas, com previsão de geração de 2 mil empregos.

Ainda durante o jantar festivo, receberam certificados as empresas que participaram ativamente da campanha "Nossa Química é a Solidariedade". O setor de tintas que venceu a campanha também recebeu certificado e a empresa Hidrotintas também pelo seus 40 anos de atividades.

 
 

Sindquímica doa parte donativos arrecadados na campanha "Nossa Química é a Solidariedade"

Um caminhão lotado de alimentos, produtos de higiene pessoal e produtos de limpeza. o Sindicato das Indústrias Químicas Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará (Sindquímica Ceará), representado pelo diretores do setor de plástico Alexandre Mota e Beto Chaves, entregou no dia (13/12) parte dos donativos arrecadados na campanha "Nossa Química é a Solidariedade" para o Lar Torres de Melo. O presidente da instituição que tão bem cuida de idosos, José Ramos Torres de Melo, recebeu a doação.

Durante o jantar festivo, no mesmo dia (13/12), no La Maison Dunas, as empresas que participaram ativamente da Campanha receberão os certificados como empresas responsável socialmente. O setor de tintas que venceu a campanha, por ter arrecadado mais, receberá o troféu de reconhecimento.

Outra instituição que será beneficiada com a outra parte dos donativos será a Casa do Menor São Miguel Arcanjo, que abriga crianças e adolescentes.

 
 

Sindquímica firma acordo de cooperação com comitê de promoção econômica de cidade chinesa

Uma delegação formada por sete associados do Sindquímica esteve na China, em novembro, participando de missão empresarial. Além de participar da feira China Coat, os empresários firmaram acordo de cooperação estratégica comercial com o Comitê de Promoção Internacional de empresários da cidade de Ningbo. A assinatura do acordo foi feita entre o presidente do Sindquimica, Marcos Soares e o presidente do Comitê, Chai Li da, com a presença do vice-prefeito de Ningbo, Chen Zhongchao. A visita do Sindquímica  foi acompanhada por Yuan Junjie, presidente da Associação da Indústria Química de Ningbo. Eles também visitaram parques tecnológicos e zonas especiais de tecnologia e exportação em Ningbo. O grupo ainda visitou parques tecnológicos de Zhangjiang, além de ter feito visitas técnicas a indústrias e ao consulado do Brasil na China. O Centro Internacional de Negócios da FIEC fez a articulação com os parques tecnológicos e o consulado.

 
 

Sindquímica apresenta missão realizada na China em reunião da CS Química

O panorama do setor químico cearense foi apresentado em uma missão realizada na China pelo Sindicato das Indústrias Químicas, Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará (Sindquímica Ceará) durante o mês de novembro. A visita foi relatada pelo presidente da Câmara Setorial Química (CS Química), Marcos Soares, durante reunião realizada no dia (11/12), no auditório da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece).

De acordo com o presidente do Sindquímica e da CS Química, Marcos Soares, a visita percorreu o maior polo químico da China, além de passar pela Câmara de Comércio para Promoção de Trade de Ningbo (CCPIT), pela feira China Coat, e por um parque de biotecnologia. "Assinamos um termo de cooperação entre o Sinquímica e a CCPIT. Em 2018, vamos efetivar as ações que acertamos na viagem", relatou.

A reunião da câmara contou ainda com uma apresentação do balanço de ações realizadas durante o ano de 2017, como visitas a laboratórios de instituições de ensino como Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade de Fortaleza (Unifor) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Uma premiação ao Núcleo Integrado de Comunicação (NIC) da Unifor pela criação da logomarca da CS Química também foi realizada turante o encontro.

 
 

Procompi comemora quase 450 atendimentos em indústrias cearenses em 2017; setor químico beneficiado

O auditório Luis Esteves Neto lotado de empresários ficou fascinado com as mágicas do ilusionista, mágico e palestrante Henry Vargas. Ele apresentou a palestra sobre técnicas para inovar e transformar o seu negócio, que foi uma das cerejas do bolo durante a apresentação dos resultados do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi), no dia (11/12), na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC). Empresários destaques na iniciativa foram homenageados e deram depoimentos atestando como o Programa os ajudou a repensar o negócio de uma forma mais produtiva e diferente.

O Programa realizou quase 450 atendimentos das industriais participantes em 2017. Segundo a gerente do Núcleo de Convênios e Parcerias(Nucop), Dana Nunes, o Ceará é referência no desenvolvimento do Programa e acabou de aprovar mais três projetos para serem executados em 2018 (Cerâmica na região norte, arranjo produtivo local de panelas no Cariri, e móveis e serrarias).

Durante 2017, foram feitas uma série de ações voltadas para empresas dos setores químico (cosméticos e saneantes); metalmecânico; calçados e acessórios; reciclagem; alimentos (naturais e polpa de frutas). Foram ofertadas oficinas e consultorias.

O programa é uma parceria da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Sebrae Nacional e Sebrae-CE.

O ilusionista Henry Vargas conduziu sua apresentação sobre empreender para inovar destacando a importância do Procompi nesse sentido por meio das mágicas. Ele concentrou suas reflexões sobre o poder da mente em mudar uma situação se pensarmos e agirmos de forma diferente, positivamente, sem gastar desnecessariamente a energia da mente. É o que se chama de "Mindset". "Pensar diferente é planejar a fim de alcançar resultados diferentes da rotina", aconselhou.

Resumo das ações realizadas pelo Procompi em 2017

  • 23 oficinas;
  • 4 capacitações;
  • 1.831 horas de consultorias;
  • 445 atendimentos as indústrias participantes;
  • 461 participantes nas ações de palestras e capacitações;
  • Realização do Seminário de Nanotecnologia para a Indústria com 75 participantes:
    * Rodadas de Negócios envolvendo as instituições FINEP, BNB, BNDES, NAC e NIT;
    * Visita Técnica dos participantes na TQUÍMICA.
 
 

Polo Industrial Químico de Guaiúba tem obras de infraestrutura iniciadas

Uma nova fase para a concretização do Polo Químico de Guaiúba, na Região Metropolitana de Fortaleza, foi iniciada. O empreendimento, que prevê a geração de mais de dois mil empregos diretos e sete mil indiretos, já conta com as obras de infraestrutura da primeira etapa em execução. As máquinas estão a todo vapor no terreno do empreendimento e placa de execução das obras já instalada.

A iniciativa veio por parte do Sindicato das Indústrias Químicas, Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará (Sindquímica), e conta com o apoio da Adece, após a instauração da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Indústria Química do Estado do Ceará (CS Química).

A primeira etapa de implantação do empreendimento compreende serviços preliminares de terraplanagem, pavimentação, drenagem, rede de água e esgoto. O presidente do Sindquímica, Marcos Soares, confere de perto a realização dos serviços. O Sindicato será responsável pela gestão do Condomínio. As obras foram iniciadas depois que o governador Camilo Santana anunciou a liberação dos recursos para o Polo, em solenidade no próprio município, em março desse ano.

Com investimentos de R$ 10 milhões do Governo do Ceará, por meio da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) e Secretaria da Infraestrutura do Estado do Ceará (Seinfra), e aporte de R$ 95,6 milhões das indústrias a serem implantadas no local, a previsão de término da obra é de 120 dias. Um total de 27 empresas deve compartilhar o espaço destinado a indústrias do segmento químico.

Veja mais CLICANDO AQUI!

 
side image

Expediente

Presidente do Sindquímica: Marcos Soares
Diretor Administrativo: José Dias de Vasconcelos Filho
Diretor Financeiro: Paulo César Vieira Gurgel
Assessor técnico: Neto Medeiros
Textos: Sindicato e Marcellus Rocha
Jornalista Responsável: Marcellus Rocha CE 2002 JP
Projeto gráfico e diagramação: Lucas Landim
Imagens: Arquivo do Sindicato e Gerência de Comunicações do Sistema FIEC

 
Sindicato das Indústrias Químicas, Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - 3º andar - CEP 60.120-001
Fortaleza/CE - Brasil
www.sindquimica.org.br
quimica@sfiec.org.br
 
 
facebook